Aviso X
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit
Itens | 0
R$ 0,00

Ingresso

(0)
X

Selecionar ingresso

PLATEIA Qtd. Valor Taxa

Vamos informar tudo sobre o evento

Release


Nome do Evento: SHOW - UMA 27/10/19


Data: 27/10/2019


Horário: 19:00h


Produtora: ICAC


CNPJ: 05.503.775/0001-01


Local: TEATRO PAIOL - CURITIBA - PR


Conhecidas no cenário da MPB independente por suas carreiras individuais,

Nani (voz, kalimba e flauta), Janaina (voz e percussão) e Thayana (voz,

acordeon, percussão) uniram forças para compor músicas inspiradas pelas

mais diversas fontes — das artes plásticas à literatura, passando por

experimentações vocais, trabalhos corporais, rituais ancestrais e o universo

feminino. O resultado é uma sonoridade delicada e percussiva, marcada pela

combinação das três vozes e a adição sutil de elementos eletrônicos.

Deste processo de criação, surgiram as oito faixas do primeiro disco, que leva

o nome do trio UMA. A música Carmim Manchado, por exemplo, surgiu após

uma visita do trio à mostra da artista Hilma af Klint na Pinacoteca de São

Paulo. Da reflexão sobre os rios submersos na cidade e a conexão com a

geografia que nos remete às nossas ancestralidades, surgiu a canção Abaeté

que, em guarani, significa homem verdadeiro. Do ritual de vaporização do útero

surgiu duas músicas: Leve e Fitas de DNA. De derivas pelas ruas da cidade

surgiu Travessia e dos elementos naturais foi composta a letra e música de

Ela.

A sonoridade da UMA prioriza os arranjos vocais do trio e instrumentos

orgânicos como a kalimba, a caixa do divino, a viola da gamba, a flauta

transversa. O trabalho e tem a produção de Sandra-X (Projeto Axial,

Turbulência, Peregrina, A Barca) e colaboração de Felipe Julian (Projeto Axial,

Craca).


UMA


UMA é o projeto que reúne as cantoras Nani Barbosa, Janaina Fellini e

Thayana Barbosa. Juntas buscaram um caminho único para compor suas

canções a partir de imersões criativas: experiências em derivas pela cidade,

rituais do sagrado feminino, visita a exposições, leituras de livros, trabalhos

corporais e experimentações vocais deram origem às oito faixas do primeiro

álbum do trio. O resultado é uma sonoridade delicada e percussiva, marcada

pela combinação das três vozes e a adição de elementos eletrônicos.


MINI BIOS

NANI BARBOSA é cantora, compositora e instrumentista. Estreou como


flautista na orquestra de músicas tradicionais do mundo, o grupo Bayaka

(dirigido por Plinio Silva e Liane Guariente) com quem gravou 4 discos. Como

cantora, integrou o trio Eu, Você e Maria com disco lançado em 2010 e shows

onde dividiu o palco com o compositor Carlos Careqa. Em 2016 assinou a

produção musical em seu primeiro disco solo autoral, Naïf. Em 2017 dirigiu o

espetáculo lítero-musical Identidades Gerais que culminou na gravação de um

DVD documentário. Integra a Orquestra do Corpo (dirigida por Stenio Mendes e

Fernando Barba - Barbatuques) e o UMA, com Janaina Fellini e Thayana

Barbosa. Com este último, gravou em 2018 o disco homônimo com produção

de Sandra-X (A Barca, Projeto Axial, Turbulência, Peregrina).

JANAINA FELLINI é formada em técnica vocal e interpretação pelo

Conservatório de MPB de Curitiba. Estudou violão com Cláudio Menandro,

teoria com Daniela Gramani, solfejo com Indioney Rodrigues e freqüentou

oficinas de Voz, Corpo, Montagem de Espetáculo e Técnica Vocal com Felipe

Abreu, Izabel Padovani, Tatiana Parra, Monica Salmaso, Liane Guarienti, Clara

Sandroni, Léa Freire, Consiglia Latorre, André Marques, Suely Mesquita,

Regina Lucatto, Ju Cassou e Renata Rosa. Em 2012 Janaina Fellini gravou seu

primeiro álbum independente (Janaina Fellini) e, em 2015 lançou o segundo

álbum “Casa Aberta” (Rumos Itaú Cultural), com produção de Beto Villares e

arranjos do maestro baiano Letieres Leite. Com o projeto UMA, ao lado de Nani

Barbosa e Thayana Barbosa, gravou o CD UMA, produzido por Sandra-X (A

Barca, Projeto Axial, Turbulência, Peregrina)que também marca a estreia da

cantora como compositora.

THAYANA BARBOSA é cantora, compositora e instrumentista. Iniciou

profissionalmente na música aos catorze anos de idade (1995) como

percussionista da Orquestra Clássica de Mato Grosso do Sul. Em 2002, em

Curitiba PR, integrou ao Grupo Mundaréu, com quem permaneceu por 15 anos,

gravou quatro CDs e um DVD, realizou diversas turnês pelo Brasil e dividiu o

palco com nomes importantes como Lia de Itamaracá, Mônica Salmaso,

Renata Rosa, Simone Sou, André Abujamra e o grupo A Barca. Em 2009

participou da montagem de “Clara Crocodilo e Metamorfose” com a Orquestra

a Base de Sopro do CMPB de Curitiba e o Arrigo Barnabé, que resultou num

DVD. Em 2014 lançou seu primeiro álbum autoral “Mar de Dentro”, que deu

início a sua carreira solo. Em 2017, em São Paulo, ingressou no grupo L.I.V.E

– Laboratório de Improvisação Vocal e Experimentação com a direção de

Wânia Storolli e no projeto UMA, ao lado Janaína Fellini e Nani Barbosa. Com

este último, gravou em 2018 o disco homônimo com produção de Sandra-X (A

Barca, Projeto Axial, Turbulência, Peregrina).



Ingressos:


 ☄ PLATEIA INTEIRA


 ☄ PLATEIA MEIA



Clube Alô Ingressos - Para baixar o aplicativo e adquirir o cartão virtual, basta acessar www.clubealoingressos.com.br e fique por dentro das promoções e dos maiores shows e eventos.


 ⚡ Meia Entrada: Destinada à Estudantes, Idosos, Portadores de necessidades especiais, Doadores de sangue, Professores e Jovens de 15 a 29 anos de idade de baixa renda, inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.


 ⚡ TODOS DEVIDAMENTE COMPROVADOS NA ENTRADA DO EVENTO.Verifique a legislação vigente de Meia Entrada no seu Estado ou Município.


 ⚡ A empresa produtora deste evento é responsável exclusiva pela realização do evento, inclusive por atrasos, mudança de horário, cancelamentos, bem como pela obrigação de restituição do valor pago pelo Bilhete.


 ⚡ DE ACORDO COM O ARTIGO ART. 6° DA LEI 8.078/90,OS VALORES ESTÃO SUJEITOS À ALTERAÇÃO SEM AVISO PRÉVIO E VÁLIDO ATÉ O TÉRMINO DO LOTE.



Local do Evento

TEATRO PAIOL